Josh Trank desiste de dirigir segundo filme de "Star Wars Anthology"


Josh Trank, diretor de "Quarteto Fantástico", desistiu do universo de "Star Wars" um ano depois de assumir a direção do segundo filme de Star Wars Anthology.

Trata-se de uma "decisão pessoal" movida pelo interesse de Trank em "buscar oportunidades criativas originais", segundo disse o cineasta de 30 anos em comunicado divulgado no site oficial de "Star Wars".

Dito isto, o universo de Star Wars sempre foi uma das minhas maiores influências, e eu não poderia estar mais animado para testemunhar o seu futuro ao lado de meus companheiros, os milhões de fãs de Star Wars. Eu quero agradecer a meus amigos Kathleen Kennedy, Kiri Hart, Simon Kinberg, e todos da Lucasfilm e a Disney, por essa incrível oportunidade de ser parte disso. Que a Força esteja com todos vocês. "

"Foi um privilégio ter a colaboração de Josh," disse Kiri Hart executiva da Lucasfilm. "Estamos gratos pela energia e amor que ele trouxe para processo desse capítulo de Star Wars, e desejamos a ele tudo de melhor. "

Trank, fã confesso desse mundo criado George Lucas, tinha afirmado em junho de 2014 que sua escolha para o projeto foi "o sonho mais incrível de todos os tempos".

Em maio do ano passado foi anunciado que o britânico Gareth Edwards, diretor de "Godzilla", se encarregaria do primeiro Star Wars Anthology, intitulado "Rogue One", cuja estreia está prevista para dezembro de 2016.

Por sua vez, a saga principal continuará com "Star Wars: O Despertar da Força", que chegará aos cinemas em dezembro de 2015.

Comentários