A Era de Ouro de Star Trek. O futuro está nas mãos das Fã séries e Fã filmes!!! E a CBS sabe disso!!!



Boa noite de Domingo de Páscoa a todos.

Hoje particularmente é um bom dia de falar em ressurreição. A ressurreição de uma franquia abandonada há muito tempo pela empresa que a produzia, e divulgava via TV pra todo o mundo. Falo, claro, de Star Trek. E falo que ela está mais viva do que nunca, inclusive em seu melhor momento criativo!!!

Fãs do mundo geek/nerd, não importa suas preferências, amam Star Trek. Por que? Ela nos trazia um exercício não de futurologia, mas, um exercício sobre a humanidade. Alavancando em cada episódio da série-mãe clássica, um novo desafio, não de soluções científicas, mas soluções humanas, emocionais... E lógicas. Víamos esta dicotomia basicamente na relação de Kirk/Spock, sendo a melhor definição a que, em uma conversa entre estes personagens em "A Terra Desconhecida", é a síntese deles. Diz Kirk a Spock:



 Você é bom em lógica. E eu sou bom em agir, sem temer as consequências.
 Somos extremistas. A realidade deve estar em algum ponto entre os dois.
"

Este é o cerne. Conhecer a ti próprio. Por isto é uma série de sucesso.

No período de tempo entre o fim da última franquia oficial de Star Trek, "Enterprise", há um hiato de aproximadamente dez anos em que estaríamos órfãos. Disse estaríamos.

Vários fãs, impulsionados por esta paixão, criaram, com recursos caseiros, a continuação das missões clássicas da Enterprise, indo aonde nenhuma série trekker tinha ido até hoje.

Exemplos??

Há várias séries ambientadas em sua maioria no universo clássico, complementando as missões originais da Enterprise com Kirk, Spock, Bones e Cia., bem como aventuras originais no mesmo período com outras naves e tripulações. Vamos nos ater nestes exemplos.

Do grupo de fã séries ambientadas na continuação das missões da Entreprise original, temos dois grandes exemplos:

Star Trek Phase II

Antigamente chamada New Voyages, Primeira fã série abordando a missão de cinco anos, dirigida e financiada por James Cawley. Começaram a fazê-la a cerca de 12 anos atrás, mas só nos últimos dez anos, com a participação de roteiristas experientes das séries, começaram a fazer episódios originais muito bons, como "To serve all my days", contando um evento onde Chekov, após um acidente, envelhece rapidamente, e o ator que faz a contraparte idosa é o ator da série original, Walter Koening. O roteiro deste episódio foi de D.C. Fontana.



Em 2008, decidiram seguir a ideia original da série de Gene Roddenberry, e a chamaram de Phase II, e desde então os episódios melhoraram muito, tanto de efeitos quanto de dramaticidade, tendo relações entre o mesmo sexo, na figura de um sobrinho de Kirk, com um médico iniciante na Enterprise. Este por acaso, foi um dos melhores episódios desta leva, além de Kitumba, um marco na série, tanto em efeitos quanto na complexidade da aventura.



Atualmente, James Cawley, que fazia Kirk, trocou com um novo ator, e continuam rumando aonde nenhum homem ou mulher esteve...

Neste período, houveram outras séries, que abordavam temas tabus, como na série Star Trek Hidden Frontier, que tratava sobre relacionamentos homoafetivos na Frota EstelarStarship Farragout, nave co-irmã da Enterprise da série clássica; Star Trek Potenkim e Starship Exeter. Todos estes disponíveis no youtube.

Em 2008, um marco nestas websséries surgiu: Star Trek - Of Gods and Men. Um fã filme que elevou e muito a qualidade das estórias para as séries posteriores a ela. Muitos atores que atuaram nas franquias Star Trek e outros fãs de Sci-fi participaram deste filme, como abaixo relacionados:

Walter Koenig, Nichelle Nichols (Uhura e Chekov da série original) e Alan Ruck (Capitão John Harriman do sétimo filme Trek, Star Trek Generations), juntamente com Grace Lee Whitney (Janice Rand da série original). Além deles temos Garrett Wang (Star Trek: Voyager) e Ethan Phillips (Star Trek: Voyager, bem como Star Trek: The Next Generation); Cirroc Lofton, Chase Masterson e JG Hertzler (Star Trek: Deep Space Nine), Gary Graham e Crystal Allen (Star Trek: Enterprise), Herb Jefferson (Battlestar Galactica), além de Tim Russ (reprisando seu papel como Tuvok de Star Trek: Voyager) , que também dirige o filme.

O filme tinha o máximo da expressão de Star Trek: Um vilão clássico, choques de realidades alternativas, suspense e drama, elevando ao máximo a franquia elaborada por Roddenberry há muito tempo atrás.



Star Trek Continues

Esta, pra mim, é a fã série mais próxima de Star trek clássica, seguindo uma sequência em relação a missão original. Muito mais forte nas interpretações, e com pessoas conhecidas, como Grant Imahara, fazendo Sulu, e o filho de James Doohan (o eterno Scotty), Chris Doohan, fazendo o papel do pai. Inclusive também é o tripulante da sala de transporte do reboot de Star Trek de J.J. Abrams.

Esta tem muitos méritos, por ter ótimo roteiro, e atuações muito boas. O destaque deste fã série é o episódio "Fairest of them all", onde mostra o que aconteceu quando Kirk, Scotty, Uhura e Dr McCoy retornaram ao universo normal após serem trocados no clássico "Mirror, mirror", onde o Kirk desta realidade confronta o Spock. O universo simplesmente tremeu!!!



Produções futuras

Bem, após tudo isso, a expectativa sobre a era do ouro aumenta, com a produção de dois filmes que irá nos levar a patamares nunca vistos, e que podem finalmente trazer de volta Star Trek para as telinhas:

- Star Trek: Renegades

Esta produção, feita pela mesma equipe de "Of Godas and Men", é um pouco mais sombria, em ais bem caprichada técnica e financeiramente. A notícia mais atualizada é que a produção estava pronta, mas esperando as cenas de efeitos especiais (em torno de 20), e iam apresentá-la à CBS em Março passado - E agora, sabemos, de onde vieram os boatos das últimas semanas, rsrsrsrs.

O objetivo é ser uma webssérie oficial da CBS. Eis a sinopse oficial:

"
A série é focada dez anos após o retorno de Voyager do Delta Quadrant, e a Federação está em crise. Os principais fornecedores da Federação de cristais Dilithium estão desaparecendo. Espaço e tempo dobraram-se em torno de vários planetas, efetivamente isolando-os de qualquer contato com os mundos exteriores. E esse fenômeno não é natural - alguém ou alguma coisa está causando isso. Isto exige medidas drásticas; alguns dos quais estão fora da jurisdição normal da Federação. Para isso, o almirante Pavel Chekov, chefe da Inteligência da Frota Estelar, vira-se para o comandante Tuvok, ex-oficial de segurança da Voyager e atual chefe da Seção reorganizada 31. Tuvok deve montar um novo comando,com uma tripulação renegada - composta, principalmente, por párias e ladinos - até mesmo criminosos. Esta nova equipe tem a tarefa de descobrir o que está causando a dobra de tempo e espaço, e interrompê-la - a todo custo. Mas eles serão capazes de pôr de lado as suas diferenças e parar de tentar matar um ao outro a tempo de cumprir a sua missão?
"
Pelo roteiro, promete muito. Veja o trailer abaixo:



- Star Trek: Axanar

Este, ladies and gentlemen, é, talvez, o filme mais esperado pelos fãs trekkers, por dois bons motivos:

   I - Contar o evento da "Guerra dos 4 anos", conflito entre a iniciante Federação e o poderoso Império Klingon, e cuja consequencia reverberou para a série clássica de Kirk e Spock, tornando a Federação e a Frota Estelar o que elas representavam para toda a franquia.

  II - O curta "Prelúdio para Axanar", lançado no verão americano do ano passado, na Comic-con, e tem como atores Richard Hatch, Tony Todd, Kate Vernon (BSG), JG Hertzler e Gary Graham. Maquiagem e cabelo foram feitos por Kevin Haney, vencedor de um Oscar, junto com um veterano de Star Trek, Brad Look. os efeitos VFX foram feitos por Tobias Richter da Light Works, e o ganhador do Oscar por som Frank Serafine. O que chama a atenção que o curta, com todos este monstros trabalhando, foi incrivelmente baixo os custos, o que anima os fãs com a qualidade de um programa ou filme espetacular, com custos baixos.



Com todas estas expectativas, aguardo ansiosamente este filme!!!

E aí? Vocês não acham que, ano que vem, no aniversário de 50 anos de Star Trek, não devemos ter esperança de termos uma nova série (ou webssérie) no ar??

Estou muiiito esperançoso.

Vivemos a Era Dourada de Star Trek!!!

Vida Longa e Prospera.




Fontes: Io9, Minha memória e o Youtube.

Comentários