Diretor REVELA bomba sobre Agentes da S.H.I.E.L.D.


As divulgações para o filme  Vingadores: Era de Ultron tem provocado diversos conflitos. Depois das declarações  polêmicas de Jeremy Renner e Chris Evans sobre a Viúva Negra ser uma vadia. Agora é a vez de Joss Whedon revelar um novo problema: seu relacionamento conturbado com a série desenvolvida pela Marvel interferir com os eventos dos seus filmes..

Numa entrevista em uma entrevista ao IGN, o diretor foi contra os acontecimentos que deram origem ao seriado  Agentes da S.H.I.E.L.D:

"Enquanto eu estiver envolvido com os filmes, sim, ele estará morto. Em termos de narrativa sobre esses caras [os Vingadores], sua perda foi muito importante", disse Whedon. 

"Os filmes dos Vingadores são para as pessoas verem os Vingadores e nada mais. E não teria o menor sentido ou utilidade [o Coulson aparecer e] dizer 'Oi! A propósito, lembram de mim? Eu morri!'", explicou Whedon, revelando grande insatisfação com as restrições impostas pela Marvel para que ele explorasse mais elementos da série em Vingadores 2.

"Eles ficavam 'Você pode fazer isto, mas não isso. E isto, mas não aquilo.' É muito complicado quando eu não posso adicionar uma camada de complexidade. Nós mesmos criamos uma série com o nome S.H.I.E.L.D. e logo em seguida eles fizeram um filme em que destruíram a S.H.I.E.L.D.", falou o cineasta, ironizando essa decisão tomada em Capitão América 2 - Soldado Invernal ("Está todo mundo se dando MUITO bem!") e ponderando: "Na verdade, eu acho que os personagens da série têm um pouco de ligação com [os acontecimentos d']o filme."

E para encerrrar, Whedon  diz que tudo que acontece em Agentes da  S.H.I.E.L.D., poderia ser um "pesadelo" que o Agente Coulson viveu no seu último momento antes de morrer. Em outras palavras, um purgatório: "Mas nós não pretendemos entregar isso até a sétima temporada... E agora eu estou entregando. Droga!"

Comentários