Conan: novo volume da fase de Timothy Truman


Mythos Editora anunciou para breve Conan – Sombras de Ferro ao Luar, novo álbum do gigante de bronze, trazendo mais um capítulo da fase de Timothy Truman, com arte de Tomás Giorello e José Villarrubia, adaptando mais um conto inédito de Robert E. Howard.

Após o massacre de seu exército de mercenários, Conan precisa urgentemente deixar o território turaniano, onde sua cabeça está a prêmio. Durante a fuga, o Cimério acolhe a companhia de Olívia, uma ex-princesa que também tenta escapar de uma sina terrível. Eles buscam refúgio em uma pequena ilha no Mar Vilayet, mas logo se veem à mercê de duas ameaças: uma criatura misteriosa que os espreita escondida na selva; e os piratas da Irmandade Vermelha, cujo comandante é um velho e mortífero inimigo de Conan. A ilha, no entanto, abriga um perigo ainda mais aterrador. Quando a lua cheia desponta no firmamento, estátuas de ferro negro ganham vida nas ruínas de um templo ancestral… para destroçar qualquer transgressor de seu santuário.

A edição trará ainda prefácio de Truman e posfácio do escritor Mark Finn, entrevistas, capas e artes originais, as tiras biográficas de Bob Cano-Duplo, e duas aventuras igualmente inéditas: O Insano Rei de Gali e O Fardo da Coroa, ambas escritas e ilustradas por Darick Robertson.

Conan – Sombras de Ferro ao Luar terá 196 páginas, formato 18,5 x 27,5 cm e capa dura. O preço não foi divulgado.

Conan nasceu na Ciméria, em um período de tempo conhecido como Era Hiboriana, uma época pré-glacial anterior ao registro da história conhecida. O bárbaro foi escravo, saqueador, pirata, mercenário, tendo enfrentado todo tipo de criaturas, feiticeiros, vampiros, demônios, lobisomens e até mesmo seres de outras dimensões. Por fim, Conan se torna o rei da Aquilônia, uma das mais altivas e poderosas nações hiborianas, posto que, já em idade avançada, deixa para seu filho, voltando a se aventurar mundo afora.

A Mythos Editora, empresa irmã do estúdio Art & Comics International, foi criada em 1996 e estreou na área de quadrinhos com títulos da DC Comics e outras editoras. Em 1998 passou a publicar a linha italiana Sergio Bonelli Editore, até então publicados pela Editora Globo. Atualmente também é a casa de Conan e Hellboy. Desde janeiro de 2002, a editora faz a produção dos títulos da Panini Comics no Brasil.

fonte hqmaniacs

Comentários