Mulher Gato, uma personagem bissexual?

Selina Kyle nas histórias em quadrinhos sempre foi colocada como heterossexual. Só que agora além de ter deixado de lado seu alter ego de Mulher Gato nos Novos 52, afinal ela virou chefe do crime de Gotham liderando a família Calabrese. E a nova Mulher Gato é Eiko Hasigawa, filha do chefe da família rival da Selina.

Só que na edição de ontem número #39 da Mulher Gato, as coisas podem ter mudado:
Como sabem todas semanas a DC anda trazendo surpresas e revelações dos seus personagens, até que comece CONVERGÊNCIA. E a roteirista oficial da revista Genevieve Valentine já tinha falado que algo grande ia acontecer na revista:  
Pelo jeito a DC Comics, já começou deixar claro o que Dan Didio tinha falado anteriormente, sobre maior liberdade para os criadores e trabalhar temas para as minorias, no caso uma abordagem mais séria sobre bissexualidade, usando umas das suas personagens mais famosas, no caso Selina Kyle.

Comentários