Deadpool Mata O Universo Marvel - Análise


Esse gibi foi anunciado há um bom tempo atrás, eu me lembro de ter escrito sobre ele aqui. Se foi lançado no Brasil, eu não faço ideia, mas não vi pra vender. Hoje eu achei as quatro partes, e a história me surpreendeu bastante, gostei o suficiente dela para vir recomendá-la aqui.
Relembrando que a regeneração do Deadpool é exagerada e absurda, então... 
Todo mundo sabe quem é o Deadpool, vilão muito do maluco, cujas histórias são regadas de piadinhas e sacanagens. Mas... como ele viria a matar o Universo Marvel? Quero dizer, ele não é mais forte que caras como o Hulk e o Thor, como explicariam isso? Sendo uma história em universo paralelo e protagonizado pelo Deadpool, era provável que coisas importantes desse tipo passassem em branco e fosse tudo comandado pela zuera. Mas não, isso não acontece, há uma explicação para Deadpool ir conseguindo destruir o Universo Marvel, por mais simples que seja a forma que ele faz isso.





  A história impressiona quando mostra que quer ser levada a sério. Ela começa com o Vigia narrando o que rola nessa realidade paralela, já que a revolta de Wade vem de uma história (que eu não conhecia), onde ele é internado pelos X-Men, mas o dono do lugar, o Homem-Psíquico, só quer dominar a mente de todos os internos para fazer um exército de super-seres considerados insanos, como o Deadpool. Mas nessa versão, o Homem-Psíquico não consegue controlar a mente do Deadpool, que se revolta e começa a ver as coisas do jeito dele só que mais claramente, o que "explica" o jeito de ser de Wade que faz com que as pessoas o considerem maluco. Wade mata o derrotado Homem-Psíquico, e foge pela sua sangrenta luta pela verdade, onde ele pretende matar TODOS os heróis e vilões Marvel.


Há uns anos atrás foi feito "Justiceiro Mata O Universo Marvel", mas como eu não li, não farei relação com a história do Deadpool. A arte passa a ideia doentia do negócio, são cenários comuns até que a cabeça de um personagem explode ou é cortada fora, ao estilo clássico das histórias do mutante. Aqui ele não está tão engraçadinho como costuma ser, na verdade está extremamente frio e calculista para destruir um monte de personagens poderosos de página em página. Eu realmente a recomendo pois a considero uma história inteligente, o mais interessante não é o Deadpool matando um monte de heróis, mas o que o levou a fazer isso (é algo que pode ser notado logo na primeira edição, mas vai fascinando até o final). E o que eu considero uma história inteligente? Algo bem diferente, que explore de forma nova um personagem ou uma ideia, e "Deadpool Mata O Universo Marvel" é o exemplo perfeito disso, mesmo sendo uma história simples e rápida.

Justiceiro é esperto... mas Deadpool é um "Looney Tunes" Marvel.

Texto por: Douglas Joker

Comentários